Rádio Buscar

Governo autoriza obras em duas importantes rodovias de Sidrolândia

Serão mais de R$ 56 milhões em investimentos

Cb image default
Divulgação

Governo de Mato Grosso do Sul autorizou duas importantes obras: a pavimentação da MS-258, entre o distritos de Capão Seco e Anhanduí (Campo Grande); e a pavimentação da MS-162, no trecho que liga Sidrolândia a Maracaju. Serão mais de R$ 56 milhões em investimentos que irão proporcionar maior integração entre a região - facilitando o escoamento da produção e gerando desenvolvimento e oportunidades.

Na manhã desta segunda-feira, dia 07, o governador Reinaldo Azambuja autorizou o início de obras de pavimentação em duas importantes rodovias de Sidrolândia: a MS-258, entre os distritos de Capão Seco (Sidrolândia) e Anhanduí (Campo Grande); e a MS-162, entre Sidrolândia e Maracaju.

Durante a solenidade, Reinaldo citou alguns dos benefícios dessa obra, entre eles o escoamento da produção e a atração de novos investimentos na região.

O secretário de Infraestrutura Eduardo Riedel explicou que na próxima sexta-feira, será dada ordem de serviço para outros trechos.

O comerciante Wilson Peres de Souza ressaltou que essa era uma reinvindicação antiga, não só da população de Sidrolândia, mas de todos daquela região.

O asfalto na MS-258 reduzirá em até 100 km o trajeto da produção aos centros de beneficiamento, integrando a rodovia a um corredor formado pela BR-060, BR-163 e ainda a MS-455, MS-162 e MS-466, que demandam a Dois Irmãos do Buriti, Nioaque, Rio Brilhante, Maracaju e Nova Alvorada do Sul.

Já a restauração asfáltica e drenagem da MS-162, além de garantir o escoamento da produção, proporcionará melhorias no tráfego nas regiões, atração de investimentos, expansão do turismo e qualidade de vida à população.

PGlmcmFtZSBpZD0iX3k2OGttYnBkcSIgc3JjPSJodHRwczovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS9lbWJlZC9pNUVTX2tteW5kUT9yZWw9MCZhbXA7YW1wO3Nob3dpbmZvPTAiIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd2Z1bGxzY3JlZW49IiI+PC9pZnJhbWU+

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Tempo no momento