Rádio Buscar

Queimadas crescem 140% em Campo Grande, são mais de 22 ao dia

Cb image default
Divulgação

Nos 12 primeiros dias de agosto o número de ocorrências de incêndios em vegetação registradas em Campo Grande cresceu 140% em comparação com o mesmo período do ano passado. É o que aponta o levantamento do Corpo de Bombeiros, que atendem mais de 22 casos por dia, em média.

No início deste mês foram atendidas 267 ocorrências, já no ano passado o número de ocorrências atendidas chegou a 111 incêndios. Os dados incluem terrenos baldios, amontoados de lixo e áreas de conservação.

Em Mato Grosso do Sul, o número de ocorrências também aumentou no início do mês de agosto. Segundo dados do Corpo de Bombeiros, o índice cresceu 187% em 2019, passando se 174 ocorrências atendidas no ano passado para 500 atendimentos este ano, mais de 41 por dia.

Desde o início do ano, os índices de 2019 chamam atenção pelo crescimento. Dados do Corpo de Bombeiros aponta que no mês de janeiro teve o maior registro histórico, com 542 ocorrências de queimadas em Mato Grosso do Sul.

Aumento continuo – O ano ainda não acabou, mas o balanço das ocorrências atendidas pelo Corpo de Bombeiro entre janeiro e o inicio de agosto cresceu 29% em Campo Grande, passando de 1.798 ocorrências no ano passado para 2.330 este ano.

Já durante todo o ano de 2018, foram combatidos 2.393 focos de incêndio em vegetação, tanto na zona rural quanto na zona urbana da Capital. O que significa um aumento de cerca 20% nos focos de incêndios em comparação ao ano de 2017.

Cb image default
Divulgação

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Tempo no momento