Rádio Buscar

Prefeitura aumentará segurança para Enterro dos Ossos

Cb image default
Divulgação

O tradicional ‘Enterro dos Ossos’ será realizado neste sábado, dia 9, na Esplanada Ferroviária, sob reforço policial e área ampliada de isolamento. A deliberação ocorreu na tarde desta sexta-feira, após o prefeito Marquinhos Trad e representantes da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), Guarda Civil Municipal, Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep), Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semadur), Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau) e blocos do Carnaval de Rua discutirem o evento junto com organizadores, Polícia Militar, Conselho Tutelar , Cruz Vermelha Brasileira e demais envolvidos.

“A Prefeitura tem cumprido seu papel ao destinar apoio institucional ao Carnaval de Rua. Também temos mantido o compromisso com as determinações do Ministério Público e sabemos que o Carnaval é uma manifestação cultural. Por isso, tivemos esse diálogo com todos os envolvidos e queremos que a festa ocorra sem problemas”, pontuou a secretária municipal de Cultura e Turismo, Nilde Brun.

De acordo com Nilde, as medidas foram tomadas a fim de evitar novos prejuízos ao Município, que contabilizou depredação na Orla Ferroviária e atos de vandalismo no entorno da Esplanada.

Sendo assim, para o evento de amanhã, o efetivo da segurança municipal passa a contar com mais 20 guardas civis – (indo de 60 para 80 agentes) e mais 20 policiais militares ( indo de 70 para 90 policiais). A Prefeitura também pretende aumentar a segurança privada de 35 para 70 homens.

Além do reforço na proteção dos foliões, o Executivo cercará o monumento da Maria Fumaça e ampliará a área de isolamento para a realização do último dia de Carnaval.

Trechos da Avenida Calógeras até a Rua Antônio Maria Coelho, Avenida Ernesto Geisel com Mato Grosso, Rua 14 de Julho com Avenida Mato Grosso, Rua Doutor Temístocles com 14 de Julho e General Melo com 14 de Julho serão pontos de revista e não será permitida a passagem de pessoas com caixas de som, isopores grandes e bebidas em garrafas de vidro.

“Pelas imagens dos drones, percebemos que o grande problema está no entorno. Há uma grande concentração de pessoas além da Esplanada, e por isto pensamos na estratégia de isolar a Maria Fumaça e proteger o monumento. A segurança da Guarda Civil Municipal estará mais ostensiva em volta do local onde ocorre o Carnaval”, informou o secretário municipal de Segurança e Defesa Social, Valério Azambuja.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Tempo no momento