Rádio Buscar

Em menos de um mês, mãe e pai morrem de covid-19 e deixam três filhos

Julianna e Arthur, pais de três filhos, morreram com menos de um mês de diferença

Cb image default
Divulgação

Morreu em São Luís, no Maranhão, a 'professora Julianna', como era conhecida Julianna Mara Santos Souza Farias, que dava aulas para alunos do ensino infantil. Ela estava internada há cerca de um mês e foi mais uma vítima da covid-19.

Julianna contraiu a doença enquanto estava grávida de seu terceiro filho, Arthur. Durante o parto, seu quadro clínico piorou e ela precisou de cuidados intensivos, até falecer neste domingo (25).

A morte de Julianna abalou toda a família, já que ela faleceu menos de um mês após o marido, o engenheiro eletricista Ernandes Júnior, que também morreu em decorrência da covid-19 no dia 7 de abril.

O casal era casado há 16 anos e já tinha outras duas filhas. Umas delas, Maria Cecília, sofre de epilepsia refratária e, em janeiro, os pais comemoraram a compra de uma cadeira de rodas, conquistada com a ajuda de doações. Neste momento, os três filhos do casal estão sob os cuidados dos avós.

O Colégio Cenaza, onde Julianna dava aulas, publicou uma foto dela com seus alunos e também suspendeu as atividades de hoje, em luto pela perda da professora.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Tempo no momento