Rádio Buscar

Sandálias que abrem algemas, agente alerta.Veja o vídeo

No vídeo compartilhado nas redes sociais, um suposto policial aparece fazendo a demonstração de como o símbolo metálico pode abrir uma algema.

PGlmcmFtZSBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LmZhY2Vib29rLmNvbS9wbHVnaW5zL3ZpZGVvLnBocD9ocmVmPWh0dHBzJTNBJTJGJTJGd3d3LmZhY2Vib29rLmNvbSUyRlJlZGVJbnRlcmF0aXZhTVMlMkZ2aWRlb3MlMkY2MDEyMjQwODM2NTAxOTUlMkYmYW1wO3Nob3dfdGV4dD0wJmFtcDt3aWR0aD0yNjEiIHdpZHRoPSIyNjEiIGhlaWdodD0iNDc2IiBzdHlsZT0iYm9yZGVyOm5vbmU7b3ZlcmZsb3c6aGlkZGVuIiBzY3JvbGxpbmc9Im5vIiBmcmFtZWJvcmRlcj0iMCIgYWxsb3d0cmFuc3BhcmVuY3k9InRydWUiIGFsbG93ZnVsbHNjcmVlbj0idHJ1ZSI+PC9pZnJhbWU+

As sandálias da marca Kenner - que, no Pará, foram homenageadas até com o brega “GDK” - viraram motivo de preocupação de agentes da segurança pública: um vídeo que circula nas redes sociais mostra um homem mostrando como abrir uma algema usando o símbolo de metal que é costurado nos calçados da Kenner. 

No vídeo compartilhado nas redes sociais, um suposto policial aparece fazendo a demonstração de como o símbolo metálico pode abrir uma algema. “Não deixe entrar nas celas com chinelo desse aqui”, diz o homem na gravação. Em seguida, ele demonstra que é, de fato, possível abrir uma algema com a peça.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.